Gráfico Burnup Scrum

Não é novidade para ninguém que o empreendedorismo alçou um patamar nunca antes visto no mundo. Isso porque, com as ideias empreendedoras, é que se faz necessário com que um nação possa mudar. Ou seja, temos que ter sempre me mente que, quando empreendemos, buscamos simplificar as coisas para o ser humano. O dinheiro, nesse caso, seria a consequência de um trabalho bem estruturado e executado.

Só que, não estamos mais falando de um empreendedorismo dos anos 50 ou 90. Estamos falando de uma nova realidade, onde a tecnologia bate à nossa porta a todo o momento, fazendo com que nós não nos desloquemos do nosso papel primordial e, ao mesmo tempo, buscando soluções que possam agradar ao maior número de pessoas possível.

E, como estamos num momento onde várias tecnologias estão surgindo ao mesmo tempo em que são tornadas obsoletas rapidamente, é necessário que o empreendedorismo esteja cada vez mais alinhado com essas tendências, para que um projeto não nasça “velho”. E, para que possa se possa alcançar isso, é importante que as técnicas envolvidas no empreendedorismo também sejam renovadas.

Como já se deve saber, para que um projeto possa sair do papel, é necessário que se tenha um alinhamento entre todos os componentes que irão realizar o projeto, bem como, também, um mesmo objetivo para que não desfoquem do principal e, assim, possam entregar tudo aquilo que foi combinado dentro do prazo. Uma das ferramentas mais utilizadas para esse fim é o Scrum, que iremos falar um pouco mais adiante.

O Scrum

O Scrum nada mais é do que uma forma de organizar reuniões baseada em um projeto que deve ser desenvolvido por um grupo especializado. Por exemplo: estamos em uma empresa de desenvolvimento de drones. Uma das equipes ficou responsável por planejar todo o mapa financeiro que deverá ser utilizado para poder colocar o projeto em pé.

Depois da definição dessa equipe, é montada toda uma estrutura que irá indicar, entre outras coisas, os que serão responsáveis por cada subárea do financeiro, para que o projeto possa ser montado de uma forma mais satisfatória para o projeto em geral. E, assim, com as definições das equipes, o projeto financeiro começará a andar finalmente.

Ele É Bom?

Nesse sentido, em que que o Scrum pode ajudar? Em várias coisas. Começando, principalmente, pelo modo de organização. Depois da definição de todas as atribuições dos componentes da equipe, são definidas as metas do dia através de uma reunião que será feita na parte da manhã, antes de o projeto começar, efetivamente.

Feita essa reunião, onde todos os componentes têm o direito de expressar a sua opinião, o roteiro de trabalho do dia é montado  e é extremamente necessário que ele seja seguido até o final. Possíveis dúvidas ou falhas devem ser sanados o mais brevemente possível; porém, se ele não conseguir ser subtraído durante o período de trabalho, deve ser registrado.

Porque o registro? Porque, no dia seguinte, será realizada outra reunião com o intuito de fazer com que tudo o que foi feito no dia anterior será revisto e, nesse sentido, essas observações podem ser colocadas para que a equipe possa encontrar meios de sanar esse problema. Basicamente, esse é o intuito dessa reunião: pegar os pontos que causam dúvida, expô-las ao grupo e, assim, fazer com que o projeto não seja perdido lá na frente por conta de problemas que poderiam ser resolvidos bem antes. Só lembrando que esse tipo de sacada, que é a de identificar problemas primários antes de unificar o projeto é uma cartada e tanto, haja visto que a economia que se faz com a correção de defeitos no projeto antes de sua conclusão é sumariamente menor se essa mesma correção fosse feita com o projeto já quase pronto.

As Reuniões

E, qual é a frequência das reuniões? A resposta é: frequência diária. Isso se dá por conta da necessidade de manter todos os funcionários alinhados com as ideias e, também, pela necessidade de estar a par de tudo o que está acontecendo no projeto. É uma maneira de integrar todos os colaboradores e deixa-los atentos a qualquer movimentação que o projeto possa a vir a ter no futuro.

Para auxiliar ainda mais a equipe para poder saber onde se situar em uma reunião é o Gráfico Burnup, que você vai conhecer um pouco mais a partir de agora.

O Gráfico Burnup

Diferente do Burndown, o Burnup é um gráfico onde se pode visualizar todo o mapa do projeto, podendo indicar para os colaboradores em qual ponto, exatamente, eles se encontram, levando em consideração a data de entrega e as metas que devem ser batidas até o fim do dia. No caso do gráfico, ele apresenta dois eixos, nos quais esses eixos representam o tempo (no eixo horizontal) e, no caso do eixo vertical, está representado todo o montante de trabalho que ainda resta para os colaboradores realizarem.

Gráfico Burnup

Gráfico Burnup

Para que o trabalho que ainda resta para poder colocar o projeto em ordem, podem ser utilizadas diversos tipos de unidades, tais como pontos, medidas de esforço e, até mesmo, horas que faltam. Aí, é necessário combinar com a equipe sobre qual é a melhor unidade, para que todos possam se sentir motivados a atingir as metas preteridas.

Como você pode ter observado durante esse artigo, o momento de identificar o processo, bem como verificar como ele está reagindo é de extrema importância para um posterior sucesso do projeto. Por conta disso, o emprego do sistema Burnup é de grande impacto, pois ele irá auxiliar na busca de possíveis falhas durante o projeto e, assim, monitorar em qual passo os colaboradores estão, podendo sugerir mudanças no escopo da execução do trabalho, bem como, também, propor novas metas a partir dos dados obtidos.

É importante frisar que seguir as metas é bastante fundamental não somente para a sobrevivência do projeto, mas também, da empresa que o executa. Isso porque, quando um projeto demanda um atraso, significa que outras empresas dependentes desse projeto também podem sofrer consequências, impactando diretamente no nome da empresa e, com isso, pode fazer com que parcerias sumam.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Dicas

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.