Tudo Sobre Redes Sociais

Atualmente, o planeta está vivendo um momento globalizado bastante impressionante. Isso porque, com a evolução das tecnologias, foi possível estabelecermos contatos e intercâmbios dos mais variados tipos entre pessoas que estão tanto perto um dos outros quanto há milhares de quilômetros de distância um do outro. E esse processo começou “recentemente”, quando os primeiros navegadores europeus, desesperados por encontrar novos mercados para os seus produtos, além de entrar em busca por metais preciosos, decidiu vagar o mar em busca de novas terras, baseadas em relatos de outros navegadores que anunciaram ter encontrado uma porção de terra à oeste da Europa. E assim foi, durante o fim dos anos 1400 para a frente, até mais ou menos a metade dos anos 1600 onde houve uma frenética onda de expedições para os mais diversos locais das novas terras, que ganharam o nome de América.

Podemos dizer, sem dúvida, que essa foi uma das maiores empreitadas humanas de todos os tempos, sendo superada, somente, pela chegada do homem à Lua, em 1969. Por falar na exploração Lunar, naquela época, foi feita uma transmissão ao vivo do feito, transmitida para todo o mundo por meio da televisão. Se, naquela época, houvesse o desenvolvimento tecnológico hoje, pode-se ter certeza que o evento seria ainda mais marcante e os registros existiriam aos montes.

Por “desenvolvimento tecnológicos”, entende-se “internet”, e ela é uma das grandes responsáveis pelo momento social e econômico que vivemos agora. Vinte anos atrás considerada apenas um meio de entretenimento, hoje ela faz parte da economia mundial, muito por causa das transações financeiras realizadas por meio da grande rede, como investimentos, compras, vendas, entre outros. Além disso, abriu-se um outro patamar no qual as pessoas puderam estabelecer as relações sociais, e, disso, deriva um dos produtos que são o carro chefe da internet atual: as redes sociais. E aqui nesse artigo você vai conhecer um pouco dessas ferramentas, bem como algumas das mais utilizadas atualmente pelos internautas. Confira:

As Redes Sociais

Como já dito, a internet foi um refúgio encontrado pelas pessoas para que elas pudessem matar a saudades de quem estivesse longe, mesmo que por um período pequeno. E, além disso, poder explorar as diversas infinidades de atividades que a internet proporciona, desde a conversa em fóruns sobre um determinado assunto, bem como uma ajuda naquela matéria da escola ou faculdade que um internauta possa a vir ter dificuldade ou, ainda, poder comprar aquele produto que achou bacana em uma loja, mas não curtiu muito o preço (na internet, as mercadorias costumam ser mais baratas que nas lojas de varejo).

Mas, como já dito, os principais responsáveis pela ascensão da internet, e pelo que ela significa hoje, são as redes sociais. Com ela, primeiro vieram as relações de comunicação entre as pessoas, e com o seu louvável êxito, abriu portas para outras atividades. Hoje, por exemplo, você pode estar numa rede social e, por meio dela, adquirir algo que seja do seu interesse. Nesse sentido, as redes sociais estão evoluindo de tal forma a aprimorar esse leque de possibilidades, oferecendo a cada tempo novas atualizações com funcionalidades distintas.

Facebook

O Facebook nada mais é do que a maior rede social do momento. Fundada por Mark Zuckerberg, pelo brasileiro Eduardo Saverin e outros colegas, o Facebook era, inicialmente, uma rede social voltada totalmente para alunos de Harvard, como forma de estreitar as relações entre os alunos dessa instituição, como uma rede de relacionamentos. Mas, foi revelado anos mais tarde como uma maneira de os seus fundadores conseguirem encontros com meninas da faculdade.

Começando como “thefacebook”, iniciou as operações em 2004, com uma tímida adesão do grupo destinado, mas com feedbacks, no geral, positivos. Mas, em 2005, um investimento da casa de milhões de dólares foi o responsável por projetar o thefacebook ao que nós conhecemos hoje. Com tal investimento, foi possível desenvolver o site, que passou a ser disponibilizado para qualquer um que quisesse se inscrever. Assim, o “the” foi retirado do nome e a rede passou a se chamar, simplesmente, Facebook. Vale lembrar que, naquela época, a rede social do momento era o Orkut, do Google, que, em um primeiro momento, não enxergou a criação dos alunos de Harvard como uma ameaça. Essa ameaça só se tornou real com o crescimento mundial da base de usuários do Facebook, que começou em 2011 e, em 2012, atingiu o Brasil, que, virando febre, desbancou a liderança do Orkut e o condenou ao ostracismo, sendo o mesmo desativado em 2015.

Instagram

O Instagram nada mais é do que uma rede social inteiramente voltada para a postagens de fotos, que começou a se popularizar em 2011 e 2012, nos quais diversas pessoas começaram a enxergar o potencial econômico e comunicacional do app. A possibilidade de se adicionar filtros diversos também agradou muitos, que começaram a migrar para o site. No entanto, aconteceu um movimento diferente ao que ocorreu do Facebook para o Orkut: quem usava o Instagram não, geralmente, deixava de utilizara outra rede social, justamente pelo foco do Instagram ser outro. O Facebook, vendo o potencial dessa rede social, decidiu adquiri-la, pagando a bagatela de um bilhão de dólares para os seus criadores. Hoje, ela faz parte do portfólio do Facebook, agregando várias funções mútuas entre as duas redes.

WhatsApp

Podemos dizer que o WhatsApp, sem sombra de dúvida, foi a evolução natural do antigo MSN, central de mensagens da Microsoft. Isso porque, o app é especializado em mensagens instantâneas, direcionadas para conversas particulares ou em grupo, com compartilhamento de arquivos de áudios, documentos, imagens, entre outros. É o principal app mensageiro dos smartphones, sendo também incorporado ao Facebook, por um valor semelhante ao pago pelo Instagram. Ganhou criptografia, o que aumentou ainda mais a sua confiança entre os usuários. Atualmente, foi lançada uma atualização na qual se permite apagar uma mensagem que já tenha sido enviada, caso seja necessário, aumentando ainda mais a procura pelo app nas lojas de aplicativos. No entanto, há um concorrente, o Telegram, que vem, aos poucos, ganhando a confiança dos usuários, tirando alguns de sua concorrente, principalmente, quando o Whatsapp sai do ar.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Internet

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.