Coloque Suas Coisas em Segurança

Fato:

Você alguma vez já perdeu uma porrada de arquivos pessoais tendo que formatar seu computador por causa de alguma emergência com seu sistema operacional. Fato: esse problema poderia ser evitado com uma solução simples, e não estou falando de backup.

Empresa

Formatação de Emergência

Em um belo dia você liga seu computador e tudo que pode ver é uma tela azul nada amigável dizendo que houve algum tipo de problema fatal que impediu o ligamento do seu computador. Ou ainda, você dá de cara com uma tela preta avisando que não é possível iniciar o Windows. “O que eu faço para pegar meus arquivos de volta agora?” você se pergunta. Um backup nessas horas de desespero viria a calhar, mas o problema com backups de arquivos pessoais é a quantidade de dados envolvida. É inviável, por exemplo, fazer backup do seu HD de 1 TERA, lotado de séries e filmes. A menos que você tenha outro HD de 1 TERA sobrando na sua gaveta, mas esse não costuma ser o caso.

Uma Forma Simples de Evitar Transtornos

Manter seus arquivos pessoais separados do sistema operacional é a melhor chance de sobrevivência que eles têm para o caso de uma pane geral. Você pode manter tudo o que é seu em um disco rígido separado, ou particionar o seu próprio disco. Ao contrário do que muitos pensam, não é preciso formatar o disco rígido para se criar uma partição. A ideia é, em caso de uma formatação de emergência, apenas o seu sistema operacional e os programas irem para o beleléu. Para particionar o seu disco você precisa de um utilitário que faça esse trabalho. Há várias opções de programas, pagos e gratuitos na internet. No entanto, o próprio Windows inclui uma ferramenta de gerenciamento de disco em sua instalação. Há ainda a opção de fazer essa separação através de linha de comando no prompt do Windows, mas essa é uma opção mais complicada, e recomendada somente para usuários avançados.

Trabalho

Para abrir o gerenciador de disco do Windows basta acessar o Painel de Controle, em seguida Ferramentas Administrativas, Gerenciamento do Computador e, no painel esquerdo na janela que irá se abrir, escolha Gerenciamento de Disco. Na janela do Gerenciador de Disco, você poderá ver todos os volumes e discos rígidos presentes no seu computador. O mais comum em instalações normais do Windows é encontrar na lista apenas a unidade C, onde está instalado o sistema operacional e onde seus arquivos vão sendo salvos. Para criar uma nova partição, basta clicar com o botão direito em um espaço não alocado do disco rígido e selecionar “Novo Volume Simples…”. O assistente de criação de volumes será aberto e você poderá escolher as opções de formato de dados usado no volume, se vai formatar, ou não, a nova unidade, entre outras opções. Depois de feitos os ajustes, basta confirmar a criação da nova unidade e está pronto.    

Coloque Suas Coisas em Segurança

Caso não haja espaço não alocado no seu disco rígido, você deve abrir espaço para a criação da nova unidade. Basta clicar com o botão direito em uma unidade e selecionar “Reduzir volume”. Reduza a unidade o quanto desejar e confirme a mudança. A redução é, no entanto, limitada às regiões desocupadas do volume. Se houver dados gravados no disco, não será possível modificar a unidade sem formata-la. Depois de criada a nova unidade como desejado, basta transferir seus arquivos para o novo disco. Depois de feita essa tarefa, se você precisar formatar seu computador por conta de algum problema, não perderá nenhum arquivo pessoal.

Por Thiago Resende

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Segurança

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.