A Tecnologia Wi-Fi

Conheça mais sobre Wi-Fi, o que é e como funciona

A Tecnologia Wi-Fi

A Tecnologia Wi-Fi

O Wi-Fi significa “Wireless Fidelity” e está presente em alguns dispositivos conhecidos como WLAN (rede local sem fio). No entanto, nem todos os dispositivos que pertencem a esta classe possuem Wi-Fi, pois na verdade o Wi-Fi é uma marca, que está registrada pela empresa Wi-Fi Alliance. Esta marca só pode ser utilizada por produtos que são do tipo WLAN, mas eles precisam estar baseados no IEEE 802.11 (padrão de indústria para este tipo de equipamento). Ou seja, existe a marca Wi-Fi e o padrão Wi-Fi (IEEE 802.11).

Como funciona

Wireless

Wireless

O padrão Wi-Fi consegue operar em certas freqüências que não precisam de licença (nem para instalação ou até mesmo operação). Mas no Brasil é preciso ter licença da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) para usar o Wi-Fi comercialmente. Para usar o Wi-Fi é preciso estar dentro do limite de reconhecimento de um hotspot (ponto de acesso), e possuir um aparelho que possa se comunicar no padrão da rede.

Geralmente o alcance do sinal é de cerca de 100 metros, e alguns hotspots são gratuitos e estão situados em locais públicos (como lanchonetes e bibliotecas), enquanto outros cobram uma taxa do provedor de serviço que está suportando a rede sem fio. Com a redução do custo de fabricação do Wi-Fi, cada vez mais produtos estão saindo de fábrica já com este padrão pré-definido na máquina.

Dispositivos

Rede

Rede

Alguns dispositivos são necessários para que a rede funcione sem problemas. Um deles é o ponto de acesso, que serve para retransmitir dados entre um dispositivo com fio e outros dispositivos sem fio. Ele serve como ponte entre os dois tipos de dispositivo, os sem fio e os com fio, e sem ele não seria possível a conexão. Os adaptadores permitem que os diferentes dispositivos sejam conectados através de portas PCI e MiniPCI, USB, ExpressCard, PC Card ou Cardbuss. Hoje esses adaptadores já vem por padrão nos aparelhos.

A responsabilidade dos roteadores é integrar uma tecnologia de conexão como WAP, a uma aplicação de roteamento que fornece o roteamento IP e encaminhamento DNS. Isso é feito através de uma interface WAN que vem integrada. A principal vantagem é permitir que diferentes aparelhos possam se conectar e serem configurados através de um único utilitário, sem ter que fazer uma configuração para cada um.

Outro dispositivo importante em uma rede é o repetidor. Basicamente ele vai estender o alcance de um sinal para que ele chegue com qualidade ao dispositivo que vai recebê-lo. Ele é importante para manter uma qualidade uniforme de sinal dentro de uma rede sem fio, pois geralmente este tipo de rede sobre mais interferências e perda de sinal do que redes cabeadas.

Neto

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Sistemas Operacionais

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.