Dá Para Recuperar os Dados de um HD Estragado?

Quem ainda não foi vítima de um HD estragado com certeza passará por isso algum dia, trata-se de um problema bastante comum. Mas, saiba que não há porque se desesperar, pois é possível recuperar os dados do seu HD estragado. A seguir vamos te ensinar a fazer essa recuperação de disco danificado.

Dá Para Recuperar os Dados de um HD Estragado?

Dá Para Recuperar os Dados de um HD Estragado?

Perder todos os seus dados pode ser algo revertido e de forma bastante simples. Para isso a dica é usar o aplicativo Redo Backup and Recovery que permite que você esteja online enquanto o utiliza. Assim você pode continuar navegando enquanto faz a recuperação dos arquivos.

Multifunção

O mais interessante a respeito do Redo Backup and Recovery é que ele é um aplicativo que pode ser usado para fazer a recuperação de partições como CDs, DVDs e pendrives. Sendo assim você pode recuperar arquivos que tinha como perdidos. Se for necessário você pode recuperar arquivos que tenham sido deletados sem querer.

No caso de quem tem mais de um disco rígido no seu computador, sendo um com um sistema operacional e o outro com dados também pode utilizar o aplicativo para recuperar o seu HD mesmo que apenas um deles tenha sido danificado.

Redo Backup and Recovery

O aplicativo Redo Backup and Recovery é distribuído pela Linux e tem como função básica a recuperação de discos que tenham sofrido danos. Esse aplicativo precisa ser instalado num CD e colocado para funcionar e assim fazer a recuperação de arquivos que estejam danificados.

Para conseguir esse tutorial de recuperação de dados de um HD estragado você precisará ter um disco gravável virgem e do Redo Backup and Recovery que pode ser baixado através desse link http://www.baixaki.com.br/download/redo-backup-and-recovery.htm.

Como Recuperar Dados de um HD Estragado

Primeiro Passo

Depois de fazer o download do Redo Backup and Recovery no seu computador você deverá gravá-lo no CD virgem. Coloque esse CD no drive e reinicie o seu computador.

Segundo Passo

O aplicativo será iniciado e você deverá ficar alerta, pois ele pedirá que você selecione o idioma que deseja. É bastante rápido, você tem apenas três segundos para fazer a seleção de idioma.

Terceiro Passo

Saiba que a interface do aplicativo é bastante intuitiva de forma que será bem fácil para você seguir os procedimentos necessários para fazer a recuperação dos seus arquivos.

Quarto Passo

Para começar você deverá clicar na opção “Menu” e logo em seguida em “File Recovery” (Recuperação de arquivos). Com isso você vai começar a fazer a recuperação do disco que sofreu danos. O processo de recuperação do HD é feito pelo programa PhotoRec que abre quando você clica nas opções que indicamos.

Quinto Passo

Nesse passo você deverá selecionar qual disco deseja recuperar. Quando se trata de um HD haverá a inscrição “HARDDISK”. Você deve selecionar a mesma e em seguida apertar a tecla Enter.

Sexto Passo

Indique que tipo de partição irá ser examinada, em geral esse tipo de procedimento é feito em PC (tanto faz se o sistema operacional é Windows ou Linux), selecione a opção “[Intel] Intel/PC partition”. Em seguida confirme clicando sobre a tecla Enter.

Sétimo Passo

Aparecerá uma tela que exigirá bastante atenção já que pode ter algumas diferenças em computadores variados. Quem possui um disco particionado ou mesmo mais de um HD precisará ficar bem atento para escolher e selecionar o dispositivo certo através da tecla Enter. Basicamente se for necessário selecione uma partição.

Oitavo Passo

Nessa etapa será necessário decidir sobre o sistema de arquivos utilizados no seu disco rígido. Quem utiliza Windows como sistema operacional deve usar um dos sistemas que estão contidos na opção “[Other] FAT/NTFS/HFS+/ReiserFS/…”. Já quem usa Linux provavelmente encontrará em “[ext2/ext3] ext2/ext3/ext4 filesystem”.

Tenha cuidado para fazer a seleção de sistema de arquivos utilizados no seu disco rígido. Lembramos que quem utiliza um sistema de arquivo que é diferente dos convencionais, Windows ou Linux, deve selecionar a opção correta e então prosseguir clicando em Enter.

Nono Passo

Esse passo também é relativo de acordo com cada usuário. Nessa etapa será necessário fazer a seleção do diretório para onde serão encaminhados os dados que forem recuperados. A dica é que seja escolhido como destino dos seus arquivos a mesma partição na qual eles estão para que você tenha certeza de que eles estarão íntegros. Depois de fazer essa seleção pressione a tecla Enter.

Décimo Passo

Essa etapa irá demorar um pouco mais, trata-se da análise. O aplicativo faz uma análise de todos os blocos de informações que estão no disco que foi selecionado. Pode ser que essa análise dure horas, tudo depende do tamanho total do HD ou da partição. Espere até que a análise acabe, assim você terá a informação de quantos arquivos foram recuperados desse disco danificado.

Depois desses dez passos você terá feito a sua recuperação de dados com o aplicativo. Lembramos que alguns passos são alterados em diferentes computadores. Além disso, recomendamos que você utilize esse tipo de programa de recuperação de dados com bom-senso.

Vídeos

Confira abaixo alguns tutoriais em vídeo de como recuperar dados de um HD estragado, pode ser as dicas ilustradas te ajudem a ter uma solução melhor para o seu problema.

Cuidados com o HD

Melhor que ter que correr atrás do prejuízo de um HD estragado arriscando perder os seus arquivos é evitar esses problemas. Para isso é importante que você tenha uma atenção especial para com o HD. Obviamente o HD tem uma vida útil assim como qualquer outra máquina.

E assim como outras máquinas pode ter sua vida útil reduzida devido ao mau uso. Quanto mais você usa um aparelho mais rápido ele irá estragar. Saiba que uma das atividades mais prejudiciais para um HD é o compartilhamento de dados em especial por torrent.

Enquanto você está baixando um arquivo via torrent também está compartilhando inúmeras partes dele e de outros diretamente do seu disco rígido. Essa transferência se reflete em milhares de operações de leitura e gravação que acabam deteriorando o HD. A dica é tentar reduzir a quantidade de arquivos compartilhados por torrent, mas lembre-se que qualquer máquina dá problemas e estraga.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Dicas

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Time limit is exhausted. Please reload CAPTCHA.